Adjuto Afonso faz apelo ao Governo para socorro aos municípios atingidos pela cheia

Municípios de Boca do Acre, Pauini e Envira, decretaram situação de emergência ou calamidade pública por conta da cheia dos rios Purus e Juruá
Por Karol Maia
Publicado em 24/02/21 às 08h44

O deputado Adjuto Afonso (PDT) solicitou, nessa terça-feira (23), ao Governo do Estado, que destine ações emergenciais, através da Defesa Civil e demais secretarias de Estado, aos municípios de Boca do Acre (distante 1.028 km de Manaus em linha reta), Pauini (a 923 km) e Envira (1.208 km), que decretaram situação de emergência ou calamidade pública por conta da cheia dos rios Purus e Juruá, respectivamente.

“A cheia deste ano conta com mais um agravante: a pandemia causada pela Covid-19, que fragilizou todo o sistema de saúde, o que piora a situação dos municípios afetados pela enchente, como é o caso desses três municípios. É necessário um apoio especial e emergencial tanto da Defesa Civil quanto da Secretaria de Saúde para mobilizar ações contra as endemias decorrentes desse fenômeno natural, como por exemplo, malária e dengue”, justifica o deputado Adjuto Afonso no Requerimento enviado ao Governo do Estado.

O parlamentar reforça que sejam enviadas equipes da Defesa Civil para auxiliar os prefeitos na condução de ações que minimizem os impactos naturais, bem como prover recursos para socorrer as famílias atingidas, via Secretaria de Estado de Assistência Social (Seas).

O deputado Carlinhos Bessa (PV) e as deputadas Joana Darc (PL) e Nejmi Aziz (PSD) subscreveram o Requerimento dando apoio à solicitação.

*Fonte: Aleam

LEIA TAMBÉM

veja mais

veja mais

Copy link
Powered by Social Snap