Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

13 de agosto, 2022

Aleam fortalece os direitos de idosos, crianças e adolescentes com novas Leis

Divulgação

Manaus (AM) – Com o objetivo de beneficiar a sociedade amazonense, garantindo direitos e a
melhoria das legislações vigentes, a Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam)
encerrou o primeiro semestre de 2022 com uma grande produção de Leis e de
Projetos de Lei (PLs), ainda em tramitação dedicados à proteção de idosos, crianças e
adolescentes.


A defesa de idosos, crianças e adolescentes sempre esteve e continua presente em
propostas dos parlamentares, como na Lei nº 5.930/2022, que institui a Campanha
Idosos Órfãos de Filhos Vivos que busca conscientizar a população sobre a importância
do cuidado como os mais velhos, e a Lei nº 5.807/2022, que proíbe o abandono afetivo
de idosos em hospitais e casos de saúde.


Outra das propostas da Casa Legislativa que foi sancionada na área é a Lei nº
5.828/2022, que reorganizou o Conselho Estadual dos Direitos da Criança e do
Adolescente, atualizando o órgão deliberativo de políticas de proteção às crianças e
adolescentes para que atenda melhor à sociedade amazonense.


Também foram sancionadas no primeiro semestre, a Lei nº 5.873/2022 que proíbe a
presença de adultos desacompanhados de crianças em espaços exclusivamente
destinados ao público infantil, como brinquedotecas, praças e playgrounds; a Lei nº
5.802/2022, que institui a Semana Estadual de Adoção de Crianças e Adolescentes, e a
nº 5.431/2022, que obriga hospitais e clínicas que notifiquem ocorrências de crianças e
adolescentes que tenham feito uso de bebida alcóolica ou entorpecentes.

Projetos de Lei
Entre os Projetos de Lei (PL) que tramitam na casa buscando melhorar a qualidade de
vida da população idosa estão o PL nº 19/22, que institui a campanha estadual de
orientação aos idosos contra fraudes e golpes no comércio eletrônico, e o PL nº
274/22, que institui o dia 1º de setembro como o dia Estadual do Coordenador de
Grupo de Idosos.


Entre os projetos que objetivam proteger crianças e adolescentes, destaca-se o PL nº
13/2022, que beneficia crianças e adolescentes diagnosticados com Transtorno do
Espectro Autista (TEA) ao propor a inclusão na Rede Estadual de Ensino do Sistema de
Inclusão Escolar baseado na técnica de Análise de Comportamento Aplicada (ABA). A
proposta é que cada unidade de ensino tenha profissionais capacitados para
implementação da ABA, garantindo a inclusão de alunos com TEA.
Outra proposta é o PL nº 20/2022 que dispõe sobre a Política Estadual de
Apadrinhamento Afetivo de Crianças e Adolescentes. A finalidade é permitir o

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

MATERIAS RELACIONADAS