Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

7 de agosto, 2022

Amazonas Energia é ‘empresa que tem mais autos de infração’, diz Procon

Declaração foi dada pelo presidente do órgão, Jalil Fraxe, nesta segunda-feira (6)
Presidente do Procon-AM, Jalil Fraxe (à direita), recebe relatório da CPI da AM Energia (FOTO: João Pedro Sales/Procon-AM)

MANAUS (AM) – “A concessionária de energia elétrica é a empresa mais reclamada”. A declaração é do presidente do Instituto de Defesa do Consumidor (Procon-AM), Jalil Fraxe, e foi proferida nesta segunda-feira (6), durante a entrega do relatório final da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Amazonas Energia.

O documento propõe medidas para adequação das irregularidades identificadas ao longo dos oito meses de CPI na Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam) e foi entregue pelo deputado estadual Sinésio Campos. Além do relatório, o parlamentar também apresentou uma cartilha cidadã com várias orientações aos consumidores.

“Estou aqui agradecendo pessoalmente ao Jalil e à equipe (do Procon-AM), que, em nenhum momento, negou apoio técnico para a CPI”, disse.

Entre as principais questões levantadas pela CPI, estão cobranças de valores abusivos pelos medidores de energia, falta de manutenção elétrica e a violação da legislação que proibia cortes durante a pandemia de Covid-19.

Ao longo dos 180 dias de CPI, o Procon-AM acompanhou todas as audiências realizadas na Aleam e também participou de atividades itinerantes em Manaus e no interior do Amazonas.

“A concessionária de energia elétrica é a empresa mais reclamada, é a empresa que tem mais autos de infração dentro do Procon-AM. A população amazonense pode contar com o Procon-AM, pode contar com a Assembleia Legislativa, pode contar com o Governo do Estado, porque nós estamos trabalhando em parceria”, comentou Jalil Fraxe.

Além do Procon-AM, a Aleam também entregou o documento ao Ministério Público do Estado do Amazonas (MPE-AM).

*Com informações da assessoria

Manifestação – Moradores do bairro Alvorada, Zona Oeste de Manaus, estão nas ruas protestando contra a instalação de novos medidores de energia que seriam instalados nesta segunda-feira (06).

Moradores protestam contra instalação de medidores de energia

De acordo com os protestantes, os novos medidores apenas irá aumentar a conta de energia e não será benéfico a nenhum deles. Por conta disso, funcionários da concessionária de energia foram impedidos de instalar os medidores.

Agentes do Instituto Municipal de Mobilidade Urbana (IMMU) estão no local para auxiliar o trânsito no local, não há informações sobre até que horas os moradores ficarão nas ruas.

Siga o Portal Tucumã nas redes sociais:

IG: https://www.instagram.com/portaltucuma/
FB: https://web.facebook.com/Portaltucuma
Twitter: https://twitter.com/PortalTucuma

MATERIAS RELACIONADAS