Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

14 de agosto, 2022

Amazonas recebe R$ 31 bilhões em investimentos e projeção de mais de 22 mil novos empregos

Governador Wilson Lima atribui marca histórica à confiança dos investidores na ZFM e na política estadual de incentivos
Fotos: Divulgação/Sedecti

O Conselho de Desenvolvimento do Estado do Amazonas (Codam) encerrou o ano de 2021 com a realização da 293ª Reunião Ordinária, nesta quarta-feira (15/12), e consolidando recorde de R$ 31 bilhões em investimentos em três anos (2019 a 2021), com a projeção de criação de 22.500 novos postos de trabalho com a implantação dos projetos no Estado.

“Esse recorde de investimentos, mesmo enfrentando uma pandemia, demonstra que estamos no caminho certo, melhorando o ambiente de negócios e dando mais segurança aos investidores”, destacou o presidente do Codam, governador Wilson Lima.

A Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti), pasta que coordena as reuniões do Codam, destacou os valores como inéditos na história de investimentos no Amazonas.

Emocionado com o resultado dos esforços alcançados diante da crise econômica provocada pela Covid-19, que prejudicou os empregos em todo o país, o titular da Sedecti, Jório Veiga, avaliou o feito histórico como fruto do interesse dos empresários na segurança e garantia gerada pelo modelo da Zona Franca de Manaus, e, também, pelas leis e condições dadas pelos benefícios fiscais do Governo do Estado.

“Nesses três anos, foram colocados 22.500 postos de trabalho novos referentes a esses projetos, isso equivale a 20% de um distrito industrial que tem 54 anos. É praticamente mais de 20% da mão de obra empregada. Esse é um feito muito grande para o Amazonas, sem contar os reflexos que são os empregos indiretos e o comércio que tem mostrado quase 50% da participação no PIB (Produto Interno Bruto)”, ressaltou o secretário.

293ª Reunião – Os destaques da pauta da 293ª Reunião do Codam – a última de 2021 -, foram apresentados com 34 projetos, sendo 16 de implantação, 14 de diversificação e quatro de atualização. O investimento previsto foi de R$ 795 milhões, com projeção de 971 novos postos de trabalho para os próximos três anos. A mão de obra remanejada foi de 1.377.

Fieam – O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Antônio Silva comentou sobre os números alcançados na última pauta do ano do Codam.

“Tivemos um ano exitoso, tanto nas reuniões do Codam, quanto nas reuniões do CAS (Conselho Administrativo da Suframa), onde aprovamos vários projetos de implantação que geraram alguns empregos diretos. E, hoje, nós estamos finalizando com a reunião do Codam, que é onde começa o processo mais importante, que é a isenção e incentivo do ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços) para os investimentos. Hoje temos em torno 106.732 empregos diretos (no PIM) o que é muito positivo para o fechamento do ano”, conclui o presidente da Fieam.

MATERIAS RELACIONADAS