terça-feira, 16 de agosto de 2022

Amazonas registra 10 casos de Covid-19 em 24 horas; não houve óbitos

O Amazonas diagnosticou 10 novos casos de Covid-19, totalizando 582.866 casos da doença no estado, sem óbito, permanecendo o total de 14.175 mortes pela doença.

As informações são disponibilizadas pelas prefeituras municipais e consolidadas por meio da Secretaria de Estado da Saúde do Amazonas (SES-AM) e da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas- Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP). E podem ser acessadas no site da FVS-RCP através do endereço www.fvs.am.gov.br.

Na capital, de acordo com dados da Prefeitura de Manaus, no sábado (04/06), não foi registrado sepultamento ocasionado pela Covid-19. O boletim acrescenta ainda que 102 pessoas com diagnóstico de Covid-19 estão sendo acompanhadas pelas secretarias municipais de saúde, o que corresponde a 0,03% dos casos confirmados ativos.

Rede de Assistência

Entre os casos confirmados de Covid-19 no Amazonas, internados em Manaus, há 5 pacientes, sendo 4 em leitos clínicos (1 na rede privada e 3 na rede pública), 1 em Unidade de Terapia Intensiva (UTI) da rede privada.

A situação vacinal dos pacientes internados com a Covid-19 aponta que, dos 5 pacientes internados, 1 não foi vacinado, 3 têm esquema vacinal incompleto e 1 tem esquema vacinal completo.

No boletim consta, também, que há 1 paciente internado com Covid-19, em leito clínico, na rede pública de saúde do interior do estado, conforme informado pela Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM).

Municípios

Dos 582.866 casos confirmados no Amazonas até este domingo (05/06), 290.955 são de Manaus (49,92%) e 291.911 do interior do estado (50,08%).

A capital, Manaus, tem 7 novos casos confirmados. No interior, os 3 municípios que têm casos novos são: Alvarães (1), Maués (1) e Tonantins (1).

Óbitos

Entre as vítimas em Manaus, há o registro de 9.703 óbitos confirmados em decorrência do novo coronavírus. No interior, são 61 municípios com óbitos confirmados até o momento, totalizando 4.472.

FOTO: Arthur Castro/Secom

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também