Após críticas negativas por viagem a SP, o ‘bom filho’ à casa torna

O vereador Chico Preto voltou a criticar o prefeito de Manaus e disse que na atual gestão nada mudou no transporte público. "Continua uma esculhambação", disparou o parlamentar
Por redacao
Publicado em 29/07/20 às 05h21

Em mais uma crítica tecida à gestão de Arthur Neto (PSDB), sobre o sistema da frota de transporte coletivo em Manaus, o vereador Chico Preto (DC) disse que seria melhor que o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), ficasse em São Paulo. O chefe do executivo municipal desembarcou em Manaus nesta quarta-feira (29), acompanhando da primeira-dama do município, Elisabeth Valeiko.

Na ocasião do discurso, Chico analisava o relatório de intervenção do sistema de transporte, que, segundo ele, virou uma “esculhambação” e na gestão de Arthur ficou ainda pior.

“Então, está essa ‘esculhambação’ no transporte coletivo e está chegando no final da gestão do Arthur e a ‘esculhambação’ só aumentou. A intervenção só fez trazer a ‘esculhambação’ para o papel e não apontou nada. Ah, a gestão de Arthur… [sic] Era bom que ele continuasse lá em São Paulo”, disse.

Arthur Neto passou mais de 20 dias internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, se tratando da Covid-19.

Apoio ao candidato de Arthur

O deputado Bosco Saraiva (Solidariedade) disse que está conversando com o deputado Ricardo Nicolau (PSD) sobre possível apoio para a Prefeitura de Manaus, nas eleições de 2020. A previsão é para próxima semana.

“Estamos conversando bem. Semana que vem a gente conclui as conversas”, destacou Bosco.

Qual é o rumo vereador?

O vereador Hiram Nicolau fez um discurso um tanto quanto “enigmático” na manhã desta quarta-feira (29), na Câmara Municipal de Manaus.

Na ocasião em que o vereador Diego Afonso (PSL) se pronunciava sobre a questão da falta de incentivo ao Esporte, por parte do poder público, Hiram fez um pedido ao parlamentar que reapresentasse um projeto de sua autoria relacionado à adoção de atletas por empresários, em contrapartida os patrocinadores teriam incentivos fiscais.

Mas, o que deixou os internautas com a “pulga atrás da orelha” foi o fato de o parlamentar dizer que isso ficaria para a próxima gestão conseguir implementar a proposta e disse a seguinte frase: “vou sair daqui frustrado sem conseguir ter executado esse projeto”.

Hiram sairá para onde? Pelo lado lógico, Nicolau deveria vir candidato para uma reeleição, já que é vereador eleito. Será que Hiram vai alçar voos mais alto ao lado de seu irmão, o deputado estadual Ricardo Nicolau? Ricardo foi anunciado como pré-candidato a prefeito de Manaus pelo PSD.

‘A lei me ampara’

Mário Viana, presidente licenciado do Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam), é perito legista do Instituto Médico Legal (IML), e assinou o pedido de impeachment contra o governador do Amazonas, mas “desde 2011 não trabalha no local“.

A denúncia foi realizada na manhã desta quarta-feira (29), pela deputada Alessandra Campêlo (MDB), vice-presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM) e também presidente da Comissão Especial de Impeachment.

“Ele não trabalha no IML, não trabalha na Susam, mas recebe por está à disposição da Susam. Recebe por empresa e cooperativas médicas”, denunciou Alessandra.

Ao Portal Tucumã, Mário pontuou: “a lei me ampara”.

CNJ abre procedimento contra desembargadora

O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) instaurou, nesta quarta-feira (29), dois Procedimentos Administrativos
Disciplinares (PADs). Um com afastamento, da desembargadora Encarnação Salgado, que está afastada do cargo do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), deste 2016, por suspeita de participar de um esquema criminoso de vendas de decisões judiciais.

O outro PAD com afastamento reforça a decisão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), que distanciou a magistrada das funções do TJAM e a mantém longe do cargo até que o CNJ julgue as ações contra a desembargadora.

Edição: Isac Sharlon

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link