Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

11 de agosto, 2022

Bolsonaro acredita que pode ser preso se sair da Presidência, diz colunista

A hipótese estaria deixando o presidente cada vez mais inquieto e, de acordo com alguns interlocutores, “transtornado” em alguns momentos
(Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Manaus (AM) – Com dificuldade de se recuperar nas pesquisas eleitorais, o presidente Jair Bolsonaro (PL) diz ter certeza de que deverá ser alvo de inquéritos que teriam como objetivo levá-lo à prisão caso perca as eleições presidenciais deste ano.

As informações são da colunista Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo. Segundo ela, Bolsonaro tem conversado sobre o assunto e repetido a fala para diversos interlocutores em Brasília, inclusive do próprio governo.

LEIA TAMBÉM: Entenda atrito entre Estados Unidos e China por possível visita da Presidente da Câmara dos EUA em Taiwan

O presidente também estaria preocupado com a situação dos filhos, que segundo ele, podem se tornar alvos mais fáceis dos investigadores.

Com as pesquisas eleitorais sendo lideradas pelo ex-presidente Lula, principal rival de Bolsonaro nessas eleições, a hipótese de derrota estaria deixando o presidente cada vez mais inquieto e, de acordo com alguns interlocutores, “transtornado” em alguns momentos.

Ainda conforme Mônica Bergamo, nessa segunda-feira (1º) a coluna ouviu quatro relatos diferentes, entre políticos e autoridades que não integram o governo, mas que conversaram com Bolsonaro nos últimos dias.

Os relatos variam apenas em relação ao tom do presidente quando discorre sobre o assunto e segundo eles, Bolsonaro tem dito que reagirá e que não será preso com facilidade.

LEIA TAMBÉM: David Almeida descarta voto em Lula e apoio a Boslonaro

Segundo os mesmos relatos, ele tem demonstrado nervosismo e repetido frases que já disse no seu discurso do último dia 7 de setembro, em ato na Avenida Paulista, em São Paulo: “Nunca serei preso”.

Na mesma ocasião, ele afirmou que poderia sair do Palácio “preso, morto ou com vitória”. A primeira hipótese estaria descartada. Nas conversas em Brasília, ele também teria dito, na mesma linha do discurso em São Paulo, que pode haver “morte” caso tentem prendê-lo.

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

MATERIAS RELACIONADAS