quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Brasileiro entra em coma após elevador despencar na Argentina

Mãe do brasileiro de 29 anos criou uma 'vaquinha' para arrecadar o valor necessário para o tratamento do filho
Bruno Renan Batista Schimidt
(Foto: Arquivo Pessoal)

O brasileiro Bruno Renan Batista Schimidt, de 29 anos, está em coma induzido após sofrer acidente em um elevador em Buenos Aires, capital da Argentina. Bruno, que é tatuador e pintor, ficou gravemente ferido após o elevador do prédio onde mora cair em queda livre do quarto andar. O caso está sendo apurado pela polícia.

Embora o acidente tenha acontecido no dia 8 de julho, a vítima segue em coma.

Segundo depoimento dado ao veículo Amazonas Atual pela mãe do tatuador, Waldyluce Batista da Silva, o estado clínico de Bruno é estável. Ela contou ao portal de notícias amazonense que a queda se deu por problemas mecânicos.

Para ajudar a arcar com os gastos com o coma, como o tratamento necessário e despesas médico, a mãe do rapaz lançou campanha de arrecadação de recursos. A meta para arrecadação é de R$ 150 mil. Até esta quarta-feira (20), 65 pessoas contribuíram com a campanha, que atingiu R$ 5.683,83, equivalente a 4% do valor necessário.

LEIA MAIS:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também