terça-feira, 16 de agosto de 2022

Corinthians e Internacional empatam sem gols em Itaquera

(Foto: Ricardo Duarte/Internacional)

Corinthians e Internacional fizeram um jogo morno no início da noite deste domingo (17) na Arena Itaquera, em São Paulo. O placar sem movimentação foi reflexo de um jogo que entregou poucos momento de emoção aos espectadores.

Com o resultado, Corinthians e Internacional chegaram a 50 pontos, em oitavo e sétimo lugares, respectivamente – os gaúchos estão na frente pelo critério de desempate de número de vitórias, 14 a 12. Ambas as equipes voltam a campo pela competição no próximo domingo – enquanto o Timão visita o Botafogo, o Colorado recebe o Fortaleza.

O Internacional começou melhor a partida, aproveitando um Corinthians com dificuldade para sair jogando. Logo aos dois minutos do primeiro tempo, D’Alessandro teria uma boa chance, mas Manoel travou na hora certa. Aos 17, William Pottker, sem marcação, mandou uma bomba com endereço, mas o goleiro Cássio foi bem e espalmou, evitando o gol. Rodrigo Lindoso e Patrick ainda levaram perigo ao gol do Timão até o intervalo. Os times foram para os vestiários com o 0 a 0 no placar, mas com o Colorado superior, praticamente jogando sozinho, enquanto a equipe de Dyego Coelho fez quase nada.

Depois de ter dormido no primeiro tempo, o Corinthians acordou para a etapa final. Além da transição ofensiva não funcionar, os donos da casa pecavam na criação. Um ponto importante para esta melhora corintiana no segundo tempo foram as substituições promovidas na equipe. Aos oito minutos, Júnior Urso recebeu de Clayson, arriscou e tirou tinta da trave. Fagner tentou aos 21 e Boselli ainda tentaria aos 24, levando muito perigo ao Internacional. A reta final da partida em São Paulo renderia muita emoção aos torcedores que foram ao estádio.

Na reta final da partida, ainda mais com as últimas mexidas realizadas por ambos os treinadores, a movimentação foi o destaque de Corinthians e Internacional. Paolo Guerrero cabeceou com perigo para o Colorado após receber de Nico López. Aos 33, o Timão chegou a fazer o gol com Gustagol, mas o impedimento foi marcado e confirmado pelo vídeo, corretamente. Aos 38, Sornoza obrigou Marcelo Lomba a fazer sua melhor defesa na partida, e no lance seguinte foi a vez de Júnior Urso levar mais perigo. Fim de jogo, 0 a 0, tudo como começou neste jogo que não foi grande coisa tecnicamente…

Lance!

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também