Criminosos atacam Policlínica Gilberto Mestrinho no Centro de Manaus

Servidores chegaram ao local e viram marcas de tiros nas paredes do 2° e do 3° andar da unidade de saúde. Ninguém ficou ferido
Foto: Jander Robson

Mesmo com o policiamento ostensivo na cidade, criminosos não parecem intimidados e continuam depredando prédios públicos em Manaus. A Polícia Militar do Amazonas relatou que funcionários da Policlínica Gilberto Mestrinho se depararam com diversas marcas de tiros nas paredes do 2° e do 3° andar da unidade de saúde, na última terça-feira (8). A direção informou que ninguém ficou ferido no ataque, pois na ocasião não havia trabalhadores nem pacientes nas instalações da unidade.

Ao menos três marcas de disparos puderam ser vistas no local. O caso foi noticiado pelo diretor que informou à Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e também ao Comando Geral do Corpo de Bombeiros.

A Polícias Militar e Civil estiveram no local para apurar informações que levem aos criminosos.

A gestão da unidade disse que aguarda o laudo da perícia para dar prosseguimento ao processo administrativo.

Por meio de nota, a assessoria de Comunicação da Secretaria de Saúde, informou que:

A direção da Policlínica Gilberto Mestrinho esclarece que por volta de 18h42 de terça-feira (08/06) foi efetuado três disparos em direção a unidade atingindo os 2° e 3° andares.

A ocorrência foi comunicada a gerência de policlínicas da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM) e ao Comando Geral do Corpo de Bombeiros. A Polícia Militar foi acionada e também a perícia da Polícia Civil que esteve na unidade.

A direção da policlínica informa que não houve feridos e que não havia movimentação de servidores na unidade no horário do ocorrido. A gestão da unidade ressalta que aguarda o laudo da perícia para dar prosseguimento ao processo administrativo.

MATERIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap