sexta-feira, 19 de agosto de 2022

Estado vai pagar somente por dia em que detento ficar na unidade prisional

Com foco no aumento da eficiência na gestão e operacionalização entre as mudanças em destaques do sistema prisional, o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Administração Penitenciária (Seap), vai pagar somente pelos dias que o detento ficar encarcerado em uma das unidades prisionais do Amazonas.

De acordo com o secretário da Seap, Marcos Vinicius Oliveira, se um interno passar cinco dias em uma das unidades prisionais, o Estado vai pagar apenas pelos cinco dias de estadia desse preso.

Outra medida, segundo o secretário, é a contratação de guarda armada para os presídios. “Com isso, vamos devolver polícias para as ruas, pois, a partido de momento que reforçamos a segurança na muralha com empresa privada, devolvemos um parte dos policiais militares para atuar nas ruas”, disse o secretário.

Multa

Com o novo processo, o secretário informou que as empresas que vão atuar na segurança dos presídios, devem ser multadas por cada material ilícito encontrado nas unidades prisionais em cada mês.

“A cada arma encontrada, a multa será de R$ 35 mil. Para casa celular encontrado a multa será de R$ 10 mil, e para cada quilo de entorpecente que acharmos ao longo do mês, também será aplicado uma multa de R$ 35 mil”, disse o secretário.

Outra mudança significativa, conforme o secretário, é que uma única empresa não vai poder assumir sozinha o sistema prisional do Amazonas. Segundo a Seap, o lançamento de edital de licitação deve sair até o mês de novembro.

Da redação – Com informações da Rádio Tiradentes

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também