quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Governador entrega novo Caic e anuncia reformas de outras 4 unidades em Manaus

A unidade Caic Ana Braga foi inaugurado nesta segunda (03) e a previsão é que realize 3.040 atendimentos por mês
FOTO: Tácio Melo/Secom

Com investimentos na assistência pediátrica pelo Governo do Amazonas, unidades do Centro de Atenção Integral à Criança (Caic) que não recebiam reformas há mais de uma década, terão a estrutura melhorada para atender a população. O governador Wilson Lima inaugurou, nesta segunda-feira (03/01), a primeira delas, o Caic Ana Maria dos Santos Pereira Braga, preparado para ser referência em reabilitação neuromotora. O centro, localizado no bairro São José, na zona leste, inaugura o perfil Caic+ Especialidades na rede estadual.

A previsão é que o Caic+ Ana Braga realize 3.040 atendimentos especializados por mês. Serão ofertados ainda serviços de apoio diagnóstico em neurologia, triagem neonatal, apoio terapêutico multidisciplinar em nutrição; psicologia; fisioterapia e fonoaudiologia, com ênfase na estimulação precoce e reabilitação neuromotora, para crianças e adolescentes com sequelas neurológicas.

FOTO: Tácio Melo/Secom

De acordo com o titular da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Região Metropolitana de Manaus (Seinfra), Carlos Henrique Lima, assim como o Caic Ana Braga – que não era reformado desde 2009 –, os outros centros passarão por reparos por toda a estrutura.

“Todos esses Caics que temos executado não tinham passado ainda por reforma. São cinco Caics que estamos reformando, e aqui nós fizemos serviço de instalação elétrica, que geralmente são os maiores problemas das edificações mais antigas. Nós temos um novo estacionamento, nova pintura, reforma do telhado, novos ares-condicionados, então nós temos hoje, por assim dizer, um novo Caic”, destacou Carlos Henrique.

Reformas – Além do Caic Ana Braga, o Caic Maria Helena não passava por obras de infraestrutura há 11 anos, pois os últimos serviços ocorreram em 2010. Já o Caic Alberto Carreira também estava desde 2010 sem reformas, apresentando a iluminação precária, com lâmpadas falhas, e algumas alas sem iluminação. Os centros estão em fase de estruturação.

A diretora do Caic Ana Braga, Shaira Castro, explica que o objetivo é transformar a unidade em referência em reabilitação neuromotora, oferecendo atendimento multidisciplinar e especializado para os usuários em diversas áreas.

“Foi uma alegria, foi uma conquista, um presente do Governo do Estado para a nossa comunidade, para a nossa saúde do Estado. Depois de tantos anos o Caic ser visto, ser lembrado, e eu creio que vai ser muito importante para a comunidade aqui da zona leste e para o estado do Amazonas”.

Shaira Castro, diretora do Caic+ Ana Braga. FOTO: Tácio Melo/Secom

O filho da dona de casa Patrícia Miranda, de 30 anos, foi uma das primeiras crianças atendidas pelas equipes do Caic Ana Braga. Com 5 anos de idade, Gilzirray Júnior realizou consulta com um endocrinologista. Patrícia afirmou ter ficado satisfeita com o atendimento.

“Ele vai ser encaminhado para o endocrinologista porque a idade óssea não condiz com a idade dele. Ele tem 5 anos, mas a idade óssea é de uma criança de 2 anos e 8 meses. O fato de eu estar aqui hoje e conseguir isso me deixa muito satisfeita, porque não é fácil, quem é dependente do SUS, dos Caics, sabe o quanto é difícil conseguir uma consulta. Estou muito feliz”.

Caic+ Especialidades – A revitalização também chegará a outros quatro Caics da capital: Alberto Carreira, no bairro Compensa, zona oeste; Dra. Maria Helena Freitas de Góes, no bairro Novo Israel, zona norte; Dra. Josephina de Mello, no bairro Colônia Oliveira Machado, zona sul; e Dr. Afrânio Soares, bairro Parque 10, zona centro-sul.

As unidades têm previsão de inauguração no primeiro trimestre de 2022 e deverão ofertar, juntamente com o Caic+ Ana Braga, mais de 6 mil consultas médicas por mês.

A reestruturação amplia a assistência pediátrica referenciada no Sistema Único de Saúde (SUS) em Manaus, atendendo a demanda reprimida. Os atendimentos no Caic+ Especialidades serão realizados via Sistema de Regulação da Secretaria de Estado de Saúde (SES-AM).

As reformas são fruto da parceria entre a SES-AM; o Fundo de Promoção Social e Erradicação da Pobreza (FPS), que destinou R$ 479.904,70 para as obras; e a Seinfra, que executou a obra.

Com informações da assessoria

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também