Hissa Abrahão fala que gestão municipal não é das melhores

"Eu quero saber que legado que o prefeito de Manaus vai deixar nesses oito anos"
Por Edilânea Souza
Publicado em 14/02/20 às 04h54
Hissa Abrahão

Na tarde desta sexta-feira (14), o Portal Tucumã recebeu no programa Resenha Politica, o ex-deputado federal e presidente do PDT regional, Hissa Abrahão, que falou sobre sua pré candidatura, projetos de campanha e deu sua avaliação sobre a atual gestão municipal, realizada pelo prefeito Arthur Neto nos últimos oito anos.

De acordo com Hissa Abrahão, a gestão do prefeito Arthur Neto não tem sido das melhores para a população manauara. “Olha o desastre que estar em Manaus. Eu quero saber que legado que o prefeito de Manaus vai deixar nesses oito anos. Ele tá dizendo que vai resolver o problema do transporte com 200 ou 300 ônibus agora, qual é o estudo técnico para isso? Cadê o plano multimodal? Será que essa quantidade de ônibus resolve o problema da mobilidade urbana ou prejudica o problema da mobilidade urbana?”, questiona Hissa, dizendo que a avaliação não é pessoal, mas sim à atual gestão.

Hissa também pontuou outros problemas que a gestão ainda não resolveu na cidade, como: alargamento das ruas para atender a nova frota de ônibus, abertura de novas vias, trânsito caótico, a construção de viadutos sem critérios, problemas na Saúde municipal e na Educação, com a falta de creches.

Sobre parcerias para às eleições, o pré-candidato disse que já estar em conversa com alguns partidos e não descartaria a possibilidade de composição de chapa com a deputada Alessandra Campêlo, que também é sua cunhada. “Sem exagero, já estou conversando com 12 partidos, mas eu não posso falar tudo. Não vejo problema coligar com a deputada Alessandra Campêlo, e não teria problema algum por parte do PDT se o MDB quiser participar conosco desse projeto”, comenta Hissa.

Avaliação de nomes

Sobre o quadro que pontua futuras parcerias políticas com notas de 1 a 3, Hissa Abrahão avaliou com nota 3 os nomes de Marcos Rotta, Marcelo Amil, Joana Darc, Ricardo Nicolau, Vanessa Grazziotin, Chico Preto, Capitão Alberto Neto, com quem ele poderia ter uma futura parceria política. Já para a nota 2, Hissa falou em David Almeida, Conceição Sampaio, Romero Reis, José Ricardo, como possíveis nomes parceiros.

Josué Neto e Amazonino Mendes receberam avaliação 1, como os que não teriam apoio e nem seriam parceiros políticos de Hissa. O nome de Caroline Braz foi citado, porém não foi pontuada pelo pré-candidato, por não conhecer o perfil da atual secretária de Justiça e Cidadania (Sejusc).

Descasca ou não o Tucumã

Perguntado para quem ele descascaria o Tucumã, foram citados Chico Preto, Marcos Rotta, Joana Darc, Alberto Neto, pelo trabalho que eles desenvolvem na Política. Hissa não descascaria o Tucumã para pessoas radicais, nem para a extrema direita e nem para extrema esquerda.

Portal Tucumã – Confira a entrevista!

Leia mais: Eric Gamboa é exonerado da Comunicação da Prefeitura de Manaus

MATÉRIAS RELACIONADAS