Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

10 de agosto, 2022

Homem demitido tortura e mata ex-patrão em Manaus, diz polícia

DIVULGAÇÃO

Manaus (AM) – Após a prisão de Alan César Multimo Rolim e outro homem não identificado, a Delegacia Especializada em Roubos Furtos e Defraudações (DERFD), esclareceu detalhes a respeito da morte de Ivan Batista Maciel, de 69 anos, que ocorreu no último domingo (26). O caso aconteceu no ramal Hollywood, na rodovia federal BR-174, área metropolitana de Manaus.

De acordo com o delegado Adriano Felix, titular da especializada, Alex teria ajudado um homem identificado como Romário, que está foragido, a cometer o latrocínio na casa da vítima. Um adolescente foi apreendido na casa de Alan, na segunda-feira (27), ele entregou duas armas além de falar sobre a participação do suspeito no crime.

A autoridade policial ainda relatou durante a coletiva de imprensa, que Romário já havia trabalhado com a vítima e já conhecia o local. “O Romário, que é o autor principal desse crime bárbaro, já trabalhou para a vítima. E pelo fato dele ter sido demitido e a forma como ele foi demitido, ele ficou muito chateado e voltou nesse domingo para praticar o crime e acabou matando Ivan”.

Ainda conforme Felix, “No momento em que Ivan entrou no terreno, com seu veículo Strada, o Romário, que já o conhecia, foi falar com ele. Ivan achou até que se tratava de uma brincadeira, foi quando o Romário agarrou a vítima, e o Alan amarrou os pés e as mãos dela e a leva até a sala. A partir daí, começa a sessão se tortura para saber onde estão as armas e o dinheiro que ele escondeu. E durante essa tortura, o Romário acaba desferindo dois golpes de facão no peito da vítima, levando-a à morte”, diz o delegado.

LEIA MAIS:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

MATERIAS RELACIONADAS