Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

11 de agosto, 2022

Homem é condenado a 18 anos por homicídio de conselheiro tutelar no AM

Homicídio teve motivo fútil e sem chances de defesa da vítima
Foto: Divulgação/MPAM

Novo Airão (AM) – Em julgamento do Tribunal do Júri ocorrido no dia 30 de julho, no município de Novo Airão (distante 195 quilômetros de Manaus), o Ministério Público do Amazonas (MPAM) obteve a condenação do réu Marcelo Borges Carmim, pelo crime de homicídio duplamente qualificado, que teve como vítima o Conselheiro Tutelar Flávio de Oliveira Neto.

Leia também: Conselheiro Tutelar de Novo Airão é assassinado com tiros na cabeça; veja vídeo

O crime aconteceu no dia 26 de junho de 2021, na Praça Municipal do Dinossauro, na principal praça do município de Novo Airão, quando vítima e acusado, que eram familiares, estavam conversando e acabaram discutindo. Durante a discussão, que segundo as investigações, teve como motivo um atrito entre os dois em um grupo de WhatsApp da família, Marcelo disparou quatros tiros contra Flávio, que morreu no local.

O julgamento que durou mais de sete horas, e resultou na condenação do réu a 18 anos de prisão, foi presidido pelo Juiz Túlio de Oliveira Dorinho.

Relembre o caso

O conselheiro Tutelar do município de Novo Airão, Flávio Farias de Oliveira Neto, conhecido como Flavinho, foi assassinado com tiros na cabeça na manhã deste sábado (26). O crime ocorreu na praça do Dinossauro, localizado no centro do município, localizado há 196 quilômetros distante de Manaus.

De acordo com informações preliminares, o motorista de uma ambulância, foi o autor dos disparos. Os dois foram vistos conversando na praça e após uma discussão, o motorista sacou uma arma e realizou vários disparos de arma de fogo na cabeça da vítima.

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

MATERIAS RELACIONADAS