quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Homem preso com pornografia infantil em Manaus pode ter abusado de crianças, diz polícia

O homem armazenava e compartilhava o conteúdo criminoso; a polícia também encontrou mídias de zoofilia
Homem é preso por compartilhar pornografia infantojuvenil. Foto: Divulgação

Manaus (AM) – Um homem de 26 anos, que não teve a identidade revelada, foi preso, por armazenar e compartilhar mídias de pornografia infantil, durante a Operação Angelus, deflagrada pela Polícia Civil, na manhã desta terça-feira (19), no bairro Zumbi 2, Zona Leste de Manaus.

Veja o momento da prisão:

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), as investigações iniciaram há cerca de um mês, após denúncia de uma pessoa que manteve contatos com o homem.

A denúncia relatava que o homem estava compartilhando mídias contendo cena de sexo e exploração sexual de crianças e adolescentes.

“Nesse sentido começamos a fazer o monitoramento. Existem técnicas para que a gente monitore quem compartilha esse tipo de mídia. Acabamos então tendo elementos de materialidade para ingressar em juízo no plantão criminal na sexta-feira (15), pedindo um mandado de busca e apreensão que foi cumprido na manhã de hoje (19)”, explicou a delegada.

A decisão judicial, cumprida na residência do individuo, também atendeu o pedido do material apreendido ser analisado pericia criminal no momento do cumprimento do mandado.

Na ocasião foram apreendidos três aparelhos celulares, dois computadores e um notebook.

Durante breve vistoria, foi averiguado que em um dos computadores havia cerca de 160 mídias de cunho pornográfico envolvendo crianças abaixo de 10 anos de idade, bebês e até conteúdos de zoofilia.

Após comprovação do material criminoso, o homem recebeu voz de prisão em flagrante e foi encaminhado para a Depca para esclarecimentos.

Segundo a delegada Joyce, inicialmente o suspeito havia negado as acusações, no entanto acabou confessando o crime, relatando onde encontrava as mídias e como/onde compartilhava.

Ainda conforme Coelho, o homem alegou ser pedófilo mas negou que tenha praticado ato sexual com crianças. Mas a autoridade policial informa que existem indícios de que ele tenha abusado sexualmente de crianças do convívio dele.

Caso as acusações sejam confirmada ele também irá responder pelo crime de estupro de vulnerável.

Leia também: Família oferece R$ 10 mil para quem achar paraquedista desaparecido no AM

Acompanhe as redes sociais do Portal Tucumã

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também