sexta-feira, 19 de agosto de 2022

House of Cards: Alessandra Campêlo articula para assumir presidência da Aleam em 2021

Você que é fã da série americana “House of Cards” vai conseguir identificar logo de cara como funcionam as articulações políticas para chegar ao topo do poder. Aqui no Amazonas, neste caso, falamos da cadeira da presidência da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam).

Nos corredores do parlamento estadual a conversa é a mesma: “Alessandra Campêlo (MDB) está alinhada com a maioria dos deputados para assumir a presidência da Casa em 2021”.

Base

Levantando a bandeira feminista, Alessandra Campêlo leva, logo de cara, as deputadas Professora Therezinha Ruiz (PSDB), Dra. Mayara Pinheiro (PP) e Joana Darc (PL).

Com as pautas direcionadas para as polícias e com grande abertura dentro do governo do Estado, a parlamentar deverá ter na lista de aliados o deputado Cabo Maciel (PL).

Parceria

Outro deputado que deverá unir forças com Alessandra Campêlo e que foi fundamental na disputa que consagrou Josué presidente é o deputado Abdala Fraxe (Podemos). Ele já mostra grande amizade com a deputada do MDB. Os novatos Carlinhos Bessa (PV), Roberto Cidade (PV), Fausto Junior (PV) e Saullo Vianna (PPS) também sinalizam total apoio para emedebista.

Luta

Alessandra Campêlo foi peça importante na busca de votos para consagrar a Mesa Diretora da Aleam para o biênio de 2019-2020. Ela conseguiu apoio de novos e antigos deputados.

Disputa

No início da disputa, Josué Neto enfrentava a chapa opositora, comandada pelo ex-presidente da Casa David Almeida (Avante). Nesse cenário, Alessandra Campêlo entra no meio de campo e, mesmo sem ter o nome confirmado para vice-presidência (mas já de olho no cargo), começa a escalar o time para a vitória de Josué Neto. Ela saía conversando com cada deputado, individualmente, e já alinhada com o novo comando do Estado, buscava apoio para desenhar o comando da Aleam no biênio 2019-2020.

Briga

Após quase um ano da vitória na luta pelo comando da Casa Legislativa, iniciou -se uma disputa interna, na qual Josué Neto e Alessandra demonstram um certo distanciamento. Assim, a briga para os próximos comandantes da casa deverá ficar entre o atual presidente e a sua vice.

“Apagão aéreo”

O anúncio de que a MAP Linhas Aéreas encerrou os voos para alguns municípios do interior do Amazonas causou indignação. A população dessas cidades será altamente prejudicada pois as viagens aéreas são de grande serventia por demorarem menos tempo em comparação às viagens de barco.

Discursos

Essa questão vem sendo abordada por diferentes parlamentares. Para alguns, os hospitais desses municípios não terão como atender os pacientes, pois boa parte dos remédios chega às cidades por via aérea. Além disso, casos de emergência que precisam de atendimento em Manaus, por exemplo, não terão como serem solucionados com a falta de voos.

Solução

O ideal, de acordo com alguns parlamentares, seria que Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) tomasse providências em relação ao problema e desse uma satisfação ao povo amazonense. A MAP Linhas Aéreas, que foi comprada pela Passaredo em agosto deste ano, apenas informou que os voos para algumas cidades amazonenses, como Parintins, por exemplo, foram cancelados. A companhia não deu justificativas para o fim das atividades. 

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também