Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

25 de junho, 2022

Jogadores da Ucrânia e Rússia poderão suspender contratos com clubes

Fifa divulgou novas regras para clubes e pediu que os dois países cessem a guerra
fifa
(Foto: Paula Fróes/Governo da Bahia)

A Fifa divulgou novas regras a respeito do emprego temporário no Regulamento sobre Status e Transferências de Jogadores para garantir segurança de atletas afetados pela guerra entre a Ucrânia e a Rússia.

Pelas novas regras, os jogadores que não chegarem em acordo com seus empregadores poderão suspender o contrato de trabalho com os clubes. A suspensão vale até o dia 30 de julho de 2023.

A medida, que também protege treinadores, garante aos profissionais a oportunidade de treinar, jogar e receber um salário, protegendo os clubes ucranianos e facilitando a saída de jogadores e treinadores estrangeiros da Rússia.

Em relação à proteção de menores, foi esclarecido que ao fugir da Ucrânia para outros países com seus pais devido ao conflito armado, eles serão considerados como tendo cumprido os requisitos que isenta-os da regra que proíbe a transferência internacional de jogadores antes dos 18 anos.

A organização informou que “continuará monitorando de perto a situação na Ucrânia para garantir que a estrutura regulatória seja adaptada de acordo com quaisquer novos desenvolvimentos. A FIFA também continua a condenar o uso contínuo da força pela Rússia na Ucrânia e pede uma rápida cessação da guerra e um retorno à paz.”

Leia mais:

MATERIAS RELACIONADAS