quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Menino liga para polícia e conta que passa fome

Polícia foram à casa da família e, ao perceberem não se tratava de denúncia de maus-tratos, se comprometeram a ajudar
(Foto: Divulgação/Pexels)

Belo Horizonte (MG) – Miguel, de 11 anos, ligou para o canal de emergência da Polícia Militar para pedir ajuda por ele e os irmãos estarem passando fome. A mãe das crianças tem 46 anos e está desempregada. Ela sustenta seis filhos por meio de bicos.

A família mora em Santa Luzia, região metropolitana de Belo Horizonte (MG). A mãe e o filho relator do pedido de ajuda prestaram entrevista ao portal de notícias Metrópoles onde o menino conta: “Minha mãe estava chorando no canto, eu pedi o telefone e fui lá e liguei”.

A mulher revelou que vive do auxílio emergencial e dos R$ 250 que o pai dos meninos manda, não todo mês. “Já tinha uns três dias que a gente estava assim. E já tinham acabado as coisas, já tinha mais de 20 dias, mas ainda tinha um pouquinho de arroz, algumas coisas. Mas há três dias só tinha farinha e fubá”, desabafou ao portal de notícias.

Os policiais foram à casa da família e, ao perceberem que a ligação não se tratava de uma denúncia de maus-tratos, colheram os relatos das crianças e se comprometeram a ajudar.

Aos que desejarem contribuir, a corporação pede que entrem em contato com o 35º Batalhão da Polícia Militar de Minas Gerais.

LEIA MAIS:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também