quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Pistoleiros de facção envolvidos em homicídio são presos em Manaus

Um dos presos, o Loirinho teria executado adolescente que se recusou a entrar para grupo criminoso
facção
(Foto: Reprodução)

Manaus (AM) – Facção desarticulada – Um quarteto envolvido em homicídio e porte ilegal de arma de fogo foi preso na tarde desta sexta-feira (20), em um bairro da Zona Leste de Manaus.

Foram presos Jadeson do Nascimento Valério, de 25 anos, conhecido como “Loirinho”, líder do grupo envolvido em mais de seis homicídios na capital, Erleson Pinho da Cruz, de 24, Jones da Silva Pinheiro, de 26; e Rudiel de Sousa Oliveira, de 25, flagranteados por porte ilegal de arma de fogo. 

Durante a operação de nominada “Medina”, os policiais da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) apreenderam quatro armas de fogo e munições de diversos calibres. 

Conforme o delegado Ricardo Cunha, titular da DEHS, “Loirinho” foi o mandante do homicídio de Danilo Neves dos Santos, que tinha 17 anos, ocorrido no dia 11 de maio deste ano, na rua Fortaleza, bairro Gilberto Mestrinho, zona leste. Segundo Cunha, Rudiel foi o responsável por executar a vítima, que foi atingida com cinco disparos e, em seguida, foi a óbito. 

“A motivação do delito seria o fato do adolescente não aceitar entrar para o grupo criminoso (facção) liderado por ‘Loirinho’, após isso ele foi jurado de morte. No dia em que estava a caminho da escola, foi executado”, disse o delegado.

Prisões foram realizadas em bairros da Zona Leste de Manaus

Jadeson foi preso na rua Bela Vista, bairro Armando Mendes; Erleson e Rudiel no Tancredo Neves, e Jones na comunidade Grande Vitória, bairro Gilberto Mestrinho, todos na zona leste da cidade. 

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também