Polícia Civil investiga militantes de esquerda por incêndio na estátua de Pedro Álvares Cabral

Militantes de esquerda colocaram fogo na estátua de Pedro Álvares Cabral que fica na Glória, na Zona Sul do Rio de Janeiro
Polícia Civil investiga militantes de esquerda por incêndio na estátua de Pedro Álvares Cabral
Polícia Civil investiga militantes de esquerda por incêndio na estátua de Pedro Álvares Cabral

A Polícia Civil do Rio de Janeiro abriu um inquérito, nesta quarta-feira (25), para apurar quem são os responsáveis por incendiar a estátua de Pedro Álvares Cabral, na Glória, na Zona Sul da cidade.

O monumento, uma homenagem aos 400 anos do Descobrimento do Brasil, foi incendiado na madrugada da última terça-feira (24).

O caso foi registrado na 9ª DP (Catete). A Polícia Civil informou que algumas diligências já foram realizadas. Os agentes buscam imagens de câmeras de segurança da região e testemunhas que ajudem a identificar a autoria do fato.

Algumas fotos publicadas em redes sociais, atribuem o incêndio ao movimento “Marco Temporal Não!”, que é contra a aprovação do Marco Temporal e o PL 490, que prevê mudanças nas regras de demarcação de terras indígenas.

O Marco Temporal, que deve ser julgado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) nesta quarta-feira, defende que os índios só podem reivindicar a demarcação de terras nas quais já estivessem estabelecidos antes da data de promulgação da Constituição de 1988.

Sobre o monumento

O monumento ao Descobrimento do Brasil fica no Largo da Glória e foi inaugurado em 13 de maio de 1900, a fim de comemorar o quarto centenário da chegada de Cabral ao país.

Assinada por Rodolfo Bernardelli, a peça traz, sobre um pedestal de granito, três figuras em bronze: em destaque, Pedro Álvares Cabral, tendo atrás Pero Vaz de Caminha e Frei Henrique Soares de Coimbra. A escultura foi fundida na oficina Thiebaut, em Paris.

Com informações via G1

Leia também: Suspeito de matar ambulante com 19 facadas é preso em Manaus; veja vídeo do crime

MATERIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap