Políticos já podem trocar de partido a partir de hoje (5)

Confira os destaques da Política local e nacional.
Publicado em 05/03/20 às 09h19
Por Edilânea Souza

Foto: Divulgação

Esta quinta-feira (5), será o famoso dia “D” para os políticos que já tem um mandado e querem sair dos seus atuais partidos. Isso porque a “janela partidária” está aberta, e permitirá que a transferência seja feita sem a perda de mandado. A janela partidária vai até o dia 3 de abril.

Os bastidores das eleições municipais deverão ficar aquecidos com o troca-troca de partidos, até mesmo, porque isso vai definir as possíveis coligações para o cargo de prefeito, já que não haverá para vereadores.

Troca-troca

Um dos primeiros a anunciar sua mudança de partido foi o vereador David Valente Reis, que se desfiliou do Partido Verde (PV). “Estarei indo à sede do PV, me encontrar com a presidente, Eliana Ferreira, para oficializar minha saída. Logo após irei ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE), mas precisamente ao Juiz da 2° Zona Eleitoral, para protocolar minha desfiliação”, declarou.

O parlamentar disse que recebeu convites de vários partidos, porém ainda não decidiu para qual irá, mas garantiu que optará por um partido que for caminhar com o pré-candidato a prefeitura de Manaus, David Almeida (Avante).

Sem partidos

Os vereadores professor Samuel, dr. Ewerton Wanderley e a professora Jacqueline Pinheiro são parlamentares que estavam atuando sem partido na Câmara Municipal de Manaus (CMM), mas buscam uma sigla partidária para filiação e tentarem suas reelieções. De acordo com a assessoria dos vereadores professor Samuel e Ewerton Wanderley, os dois já iniciaram conversas com partidos, porém não definiram a sigla ainda.

Prazo final

Já no dia 4 de abril é o prazo final para todos aqueles que desejam concorrer a um cargo eletivo, filiados a um partido devidamente registrado no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A data marca seis meses antes do pleito, que acontecerá em outubro.

Mulheres no comando

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), desembargador João Simões, designou, a Juíza Dra. Margareth Rose Cruz Hoagen, como responsável pelo pleito deste ano. Margareth é juíza da 1ª Zona Eleitoral.

Na ocasião, as juízas Alessandra Cristina Raposo da Câmara Gondim Martins de Matos (37ª Z.E.) e Sanã Nogueira Almendros de Oliveira (61ª Z.E.), ficarão encarregadas de fiscalizar a Propaganda Eleitoral na capital. Já a Dra. Naira Neila Batista de Oliveira Norte vai atuar no processamento e julgamento das prestações de contas de campanhas eleitorais.

MATÉRIAS RELACIONADAS