terça-feira, 16 de agosto de 2022

Prefeitura de Manaus disponibiliza 49 pontos de vacinação

Do total de locais de vacinação, quatro serão exclusivos para o atendimento das crianças de 5 a 11 anos:
A vacina a ser usada na injeção extra deve ser preferencialmente a Pfizer (Foto: Divulgação)
A vacina a ser usada na injeção extra deve ser preferencialmente a Pfizer (Foto: Divulgação)

A Prefeitura de Manaus prossegue com a vacinação contra a Covid-19, pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), disponibilizando ao longo da semana, 49 pontos de atendimento estrategicamente localizados em todas as zonas geográficas de Manaus.

Do total de locais de vacinação, quatro serão exclusivos para o atendimento das crianças de 5 a 11 anos: shopping Via Norte, na zona Norte; Studio 5 Centro de Convenções, zona Sul; Cidade da Criança, zona Centro-Sul; e Sesi Clube do Trabalhador, na zona Leste. Além desses, o Centro de Convenções, o “sambódromo”, na zona Centro-Oeste, segue atendendo crianças e o público a partir dos 12 anos de idade. Com exceção do shopping Via Norte, que funciona das 10h às 16h, os demais pontos de vacinação atenderão das 9h às 16h.

A proteção contra a Covid-19 também será disponibilizada em 45 unidades de saúde de segunda a sexta-feira, no horário das 9h às 16h. Os endereços e os imunizantes ofertados em cada estabelecimento de saúde podem ser conferidos por meio do link (https://bit.ly/localvacinacovid19) e nas redes sociais da Semsa.

O secretário municipal de Saúde, Djalma Coelho, reforça a necessidade da população se proteger contra a Covid-19 e destaca que a gestão do prefeito David Almeida tem se esforçado em instalar pontos de vacinação em locais de grande circulação de pessoas como forma de facilitar o acesso ao imunizante.

“Nosso apelo é direcionado especialmente às pessoas de 18 a 59 anos que já tomaram a segunda dose há quatro meses ou mais e que devem tomar a terceira dose. É preciso reforçar a proteção com a vacina contra a Covid-19, que pode ser recebida, inclusive ao mesmo tempo que a da influenza. A única situação em que o imunizante não deve ser tomado é se a pessoa estiver doente. Nesse caso a recomendação é aguardar 14 dias a partir dos primeiros sintomas”, frisa.

Intervalos

Seguindo as diretrizes do Programa Nacional de Imunizações (PNI), a Semsa informa que as crianças e os adolescentes não estão no grupo de pessoas que precisam da dose de reforço. A ressalva são os adolescentes imunossuprimidos, que devem receber a terceira dose do imunizante no intervalo de dois meses após a segunda dose.

O PNI também orienta que idosos a partir dos 70 anos e adultos imunossuprimidos que já tomaram a terceira dose, após quatro meses já podem receber a quarta dose da vacina.

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também