Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

25 de junho, 2022

Priscilla Alcântara rebate fala homofóbica da cantora gospel Bruna Karla

A cantora Bruna Karla continua sendo assunto entre os famosos após sua fala homofóbica onde criticava o casamento gay.
(Foto: Reprodução)

Brasil – A cantora Bruna Karla continua sendo assunto entre os famosos após sua fala homofóbica onde criticava o casamento gay. Além de Ludmilla, o ex-bbb Gil do Vigor e entre outros artistas, a cantora Priscilla Alcântara rebateu o comentário. O assunto começou quando Rafa Uccman falou sobre Priscilla cantar em seu casamento. A cantora de imediato respondeu: “vamos escolher o repertório”, classificando a declaração como algo “muito infeliz”.

No ‘Poccast’ apresentado por Lucas Guedez e Rafa Uccman, Priscila comentou: “É muito triste, é podre. É errado em muitos níveis. Cara, toda vez que eu for abrir a boca, a minha preocupação não deve ser emitir a minha opinião. Primeiro que opinião não foi feita para ser dada, ela foi feita para ter. Você só dá a sua quando te pedem”, disse.

Ainda durante a entrevista, Priscila rebateu com mais ênfase o discurso homofóbico de Bruna. “Na sociedade em que a gente vive, pessoas da comunidade morrem por ser quem são… Vou falar de uma forma metafórica: não vivo minha fé dessa forma, de que enquanto eu adoro a Deus, mato alguém. Seja com a minha palavra ou de um jeito literal. Não existe isso, não reflete um Deus que eu acredito”, afirmou.

Declaração de Bruna Karla

Na entrevista ao podcast ‘Positivamente’, apresentado pela atriz Karina Bacchi, Bruna contou que não cantaria no casamento de um amigo gay.

“Teve um amigo que me perguntou: Bruna, quando eu me casar você vai no meu casamento? Eu olhei para ele, fui bem sincera e disse: Ah, quando você se casar com uma mulher linda e cheia do poder de Deus, eu vou sim. Estou falando de um amigo, homossexual, que a gente tem essa liberdade, e eu falei que o dia que eu aceitar cantar em um casamento com outro homem, eu posso parar de cantar sobre a Bíblia e sobre Jesus”, declarou a cantora.

Declarações de outras celebridades

Ludmilla também rebateu a fala homofóbica de Bruna Karla:

“Esse é o tipo de discurso que me embrulha o estômago e me deixa revoltada. Pessoas como ela, que se dizem ‘porta-vozes’ de Deus, descartam e fazem mal à pessoas o tempo inteiro pelo simples fato de elas serem quem elas são!”, escreveu Ludmilla. “Quantos de nós vamos precisar morrer gritando que isso não é uma escolha?! Mais quanto tempo vamos precisar sofrer pelo direito de amar? Amor ao próximo? Que próximo? Respeito? Pra quem? Chega de ódio. Chega de homofobia. Chega de transfobia. Nós imploramos. Chega!”.

Gil do Vigor mencionou uma passagem bíblica para rebater Bruna Karla, no twitter:

“De fato, quando Jesus aparecer alguém irá se envergonhar e não é seu amigo gay mas sim você por sua atitude preconceituosa! João 14 fala que Deus nos chama de amigos e a palavra amigo é forte demais para ser sustentada com base no preconceito e falta de amor ao próximo”.

LEIA MAIS: “Me embrulha o estômago”, diz Ludmilla sobre fala de Bruna Karla

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma  

MATERIAS RELACIONADAS