Qual o ar-condicionado mais econômico? Split ou de Janela?

Economizar no ato da compra ou no uso? Quem é mais econômico para a conta de luz, ar-condicionado split ou de janela?
Por Sthefane Campos
Publicado em 15/10/20 às 03h00

Aparelhos de ar-condicionado de janela estão por aí há muitos anos. Mesmo com modelos novos, sua estrutura básica de funcionamento é antiga. Os split chegaram com um novo conceito há alguns anos. Agora, a pergunta que não quer calar: ar-condicionado split ou de janela; qual é o mais econômico na hora de pagar a conta de luz?

Funcionamento do ar-condicionado de janela

Consiste em uma única peça, embutida na parede. O modelo tem um sistema de escape de ar quente, voltado para fora e o sistema de ar fresco voltado o ambiente alvo.

Ar-condicionado de janela costuma ser mais acessível financeiramente. Tem a instalação mais simples do que um modelo de split, por exemplo. Peças de fácil reposição e até mesmo o usuário consegue fazer a instalação.

Pelo fato de ter sido projetado com uma tecnologia mais antiga, normalmente costuma emitir uma quantidade maior de ruído e consome mais energia, aumentando a conta de luz.

Funcionamento do ar-condicionado Split

Famoso no mercado por ser um modelo silencioso e econômico, ele possui uma instalação mais complexa do que o de janela, precisando de mão-de-obra especializada.

O nome split deve-se ao fato de contar com duas partes: condensadora e evaporadora. A unidade interna que resfria o ambiente (condensadora) e a parte de fora onde fica o compressor (evaporadora), um tubo liga as duas partes, por onde circula o gás responsável por refrigerar o ar.

Hoje é encontrado na maior parte das residências e dos comércios. Os modelos split são fabricados em duas diferentes tecnologias: convencional e inverter. O modelo inverter é a opção de um ar-condicionado mais econômico, pois não fica ligando e desligando o compressor.

Qual o mais econômico?

Podemos levar em consideração as principais características de cada um para buscar essa resposta.

Tecnologia

Ar-condicionado de janela

Apesar de ter peças mais novas que os primeiros modelos oferecidos no mercado, a tecnologia de operação, como um todo, é da primeira ordem criada. Isso aumenta o consumo na comparação.

Ar-condicionado split

O modelo dividido em dois módulos tem um processo mais moderno. Todas as inovações que visam, conforto, eficiência, redução de ruído, influência de temperaturas externas, foram aplicadas nessa nova geração de aparelhos de refrigeração de ar. Pelo foco total em atualização tecnológica, ele se torna mais econômico quanto ao gasto energético.

Instalação e manutenção

Ar-condicionado de janela

Fácil instalação, pode ser feita até pelo comprador;

O custo do aparelho no geral é mais baixo que o modelo split;

As peças de substituição são de fácil acesso e com um preço reduzido;

No momento da aquisição e instalação o aparelho de janela é mais econômico.

Ar-condicionado split

Instalação complexa;

Necessária mão-de-obra especializada, sob a pena de perda da garantia do aparelho;

As peças de substituição são encontradas somente em lojas especializadas e autorizadas;

A manutenção e conserto somente podem ser feitas por técnicos credenciados;

Tem um valor de investimento inicial muito superior ao modelo de janela.

Conclusão

O custo do ar-condicionado split é mais alto no princípio, mas esse custo inicial é diluído conforme a utilização do aparelho ao longo do tempo reduz drasticamente o valor da conta de luz.

O modelo de janela é mais em conta para momentos de emergência, residências e salas comerciais alugadas, nada que seja muito permanente. Conforme o tempo de uso vai crescendo o valor total do aparelho fica mais alto que o modelo split, devido ao consumo elevado de energia.

Leia mais: Criança feita refém é colocada na janela por sequestrador

Com informações Tecnoblog.

Foto: Reprodução

MATÉRIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap