‘Ronnie Lessa vai te pegar. Metralhadora nela’, diz ameaça à candidata do Psol

Candidata do Psol já chegou a ser coagida na rua e vem sofrendo ataques relacionados a sua orientação sexual
Por Sthefane Campos
Publicado em 23/10/20 às 02h04

A candidata a vereadora pelo PSOL em Nitério Benny Briolly foi alvo de ameaças de morte e LGBTfobia . Ela registrou um boletim de ocorrência na Polícia Civil alegando ter recebido mensagens de ódio nas redes sociais e ameaças de morte.

Segundo a candidata, uma das ameaças faz menção ao Ronnie Lessa, acusado de executar vereadora Marielle Franco (PSOL) em março de 2018, no Rio. ” Ronnie Lessa vai te pegar. Metralhadora nela “, dizia o texto da ameaça.

“Além das ameaças, recebo muitas mensagens de ódio, como: ‘pode se encher de hormônio, mas nunca vai ser mulher'”, disse em entrevista ao UOL . Benny diz ter recebido mais de cem ameaças de morte, sendo que as mais violentas ocorreram entre terça e quarta.

“Niterói precisa enfrentar o fascismo! Não vão nos intimidar, registramos ocorrência de ameaça na 76ª DP. A violência política no Brasil se aprofunda cada vez mais. O Brasil é um país perigoso para aqueles que lutam. É o país que mais mata defensores dos direitos humanos no mundo, o que mais mata travestis e transexuais, o quinto em feminicídios e onde morre um jovem negro a cada 23 minutos”, escreveu no seu Facebook e publicou uma foto com o boletim de ocorrência.

A candidata disse que já chegou a ser intimidada por um grupo de homens na rua.

Com informações do IG.

Foto: Reprodução

MATÉRIAS RELACIONADAS

Fabricação de lâmpadas de LED na ZFM poderá ser ameaçada

Fabricação de lâmpadas de LED na ZFM poderá ser ameaçada

“A fixação de regras para fabricação de luminárias de LED na Zona Franca de Manaus impacta diretamente a estrutura de custos da produção nacional, criando distorções sobre o parque industrial já instalado em diversas regiões do País”, continuou o autor

ZFM

Copy link
Powered by Social Snap