quarta-feira, 17 de agosto de 2022

Saiba quem é o homem morto e queimado no porto de Japurá, no AM

Outras três pessoas foram espancadas pelos moradores no porto da cidade mas conseguiram sobreviver
Reprodução

Japurá (AM) – O homem morto e queimado por moradores de Japurá, distante a 744 quilômetros, foi identificado como Elbo Felipe da Silva. O caso aconteceu após ele ser acusado de ser “pirata” dos rios, na tarde dessa quarta-feira (16), no interior do Amazonas.

Além de Elbo, outras três pessoas foram espancadas pelos moradores no porto da cidade mas conseguiram sobreviver e foram encaminhadas para uma delegacia de polícia.

O filho do homem divulgou áudios em grupos de WhatsApp, onde ele diz que o pai é inocente e que ele foi até a cidade apenas para comprar gasolina.

“Eles não são piratas, vocês não sabem de nada, tacaram fogo no meu pai. Ele estava apenas levando gasolina para o garimpo, meu pai estava querendo apenas dinheiro para sustentar a família dele e vocês fazem isso com ele. Ele não era pirata e mataram ele.”

Em nota, a Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM) informou que a Polícia Militar de Japurá foi chamada para atender a ocorrência e controlou o tumulto, que aconteceu no porto da cidade.

Policiais militares e civis de Manaus foram enviados para o município, nesta quinta-feira (7). As esquipes vão reforçar as investigações e identificar os envolvidos na ocorrência.

LEIA MAIS:

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também