Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

7 de agosto, 2022

Suspeito de matar técnica de enfermagem é condenado a prisão

Um homem identificado como Renner Fonseca Miranda, acusado de matar a técnica de enfermagem Corina Maria Machado Lana, 50, em maio de 2017, foi condenado a prisão pelo Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM).

Renner foi condenado pelo crime de homicídio triplamente classificado e recebeu uma sentença de 21 anos de prisão em regime fechado. Ele seguiu como alvo de uma denúncia feita ao Ministério Público do Estado do Amazonas (MP-AM) no mesmo ano do crime.

A condenação foi dada pela juíza Ana Paula de Medeiros Braga, titular da 2ª Vara do Tribunal do Júri, comarca Manaus.

Lessandro Leal de Lima, apontado pela investigação como mandante do crime, foi absolvido no processo.

Relembre o caso

A mando de Lessandro, Renner sequestrou Corina enquanto dormia na sua residência localizada na rua Ibitirama, bairro Santa Etelvina, zona Norte de Manaus, no dia 31 de maio de 2017, por volta das 17h30.

Conforme a polícia, Renner usou uma substância que deixou Corina desacordada. Ela estava dormindo quando foi atacada, Renner torturou e matou a técnica de enfermagem, deixando seu corpo abandonado em uma área de mata do bairro Tarumã, zona Oeste da capital.

A motivação do crime teria sido uma vingança, pois, no dia anterior do fato, um dos filhos de Corina brigou com Lessandro.

Corina era indígena e, de acordo com os moradores das imediações, era uma pessoa querida e não fazia mal para ninguém.

Por João Paulo Castro com informações do TJAM

MATERIAS RELACIONADAS