Tecnologia inédita elimina tumores cancerígenos e pode fornecer terapias contra COVID-19

Pesquisadores da Universidade de Zurique desenvolveram tecnologia baseada em adenovírus modificado, chamada SHREAD que combate o câncer
Tecnologia inédita elimina tumores cancerígenos e pode fornecer terapias contra COVID-19
Tecnologia inédita elimina tumores cancerígenos e pode fornecer terapias contra COVID-19

Pesquisadores da Universidade de Zurique desenvolveram uma tecnologia que poderia não apenas causar a morte de tumores cancerígenos, mas também potencialmente erradicar a Covid-19 nos pulmões das pessoas.

A equipe usou um adenovírus modificado – um tipo comum de vírus respiratório que muitas vezes é reaproveitado e usado extensivamente em tratamentos médicos como mecanismo de liberação. A tecnologia, conhecida como SHielded, REtargeted ADenovirus (SHREAD), é semelhante a um cavalo de Tróia, pois evita a detecção do próprio sistema imunológico do corpo e fornece instruções genéticas para anticorpos terapêuticos diretamente nas próprias células tumorais. 

Os tumores então começam a produzir em massa sua própria destruição na forma de células de anticorpos que eventualmente consomem e eliminam o tumor, mas com efeitos colaterais significativamente menores em comparação com os tratamentos tradicionais de câncer. 

“Nós enganamos o tumor para que se elimine por meio da produção de agentes anticâncer por suas próprias células”, diz Sheena Smith, pós-doutoranda, que liderou o desenvolvimento da tecnologia na Universidade de Zurique.

Um elemento-chave dessa técnica é que os agentes terapêuticos geralmente permanecem no local e não flutuam para fora do corpo, poupando órgãos e tecidos saudáveis ​​de qualquer dano colateral. As tecnologias que guiam os ‘cavalos de Tróia’ ​​do adenovírus para o lugar certo no corpo, enquanto os escondem do sistema imunológico, agem quase como uma arma guiada com precisão.

Em testes de laboratório em ratos, os cientistas enganaram um tumor cancerígeno para produzir trastuzumab, um anticorpo contra o câncer de mama aprovado clinicamente. Além disso, o tumor realmente produziu mais do anticorpo ao longo do tempo, acelerando sua própria morte. As concentrações de trastuzumab longe do tumor, nos tecidos e na corrente sanguínea, foram baixas, indicando o potencial reduzido de efeitos colaterais, confirmado por observações de imagens 3D de alta resolução.

A tecnologia de ponta pode marcar a chegada de um sistema de distribuição altamente eficaz para drogas poderosas que, de outra forma, infligiriam muitos danos.

Os vetores de adenovírus estão sendo implantados nas vacinas Johnson & Johnson, AstraZeneca e Sputnik V Covid-19 da Rússia, mas sem a tecnologia SHREAD. Os pesquisadores de Zurique acreditam que poderiam criar um aerossol inalado que permitiria a produção direcionada de anticorpos Covid-19 dentro das próprias células pulmonares. 

“Isso reduziria os custos e aumentaria a acessibilidade às terapias da Covid, além de melhorar a distribuição da vacina com a abordagem de inalação”, afirma Smith.

Leia também: Conta oficial de Israel no Twitter publica emojis de foguete para cada míssil que Hamas dispara contra o país

MATERIAS RELACIONADAS

Copy link
Powered by Social Snap