Portal Tucumã
Copyright ©2022 Portal Tucumã.
Todos os direitos reservados.

11 de agosto, 2022

Terceiro envolvido na morte de empresário é procurado em Manaus

Nesta sexta-feira, Julian Larry Barbosa Soares, 34 anos, sócio de Rafael, foi preso pelo assassinato

Uma terceira pessoa envolvida na morte do empresário Rafael Moura Cunha, 40, ocorrido em dezembro do ano passado, é procurada pela Polícia Civil do Amazonas. O terceiro suspeito de participação no assassinato trata-se de Adriano Fogassa Almeida, 23, conhecido como “Biscoito” ou “Bolacha”.

Nesta sexta-feira, Julian Larry Barbosa Soares, 34 anos, sócio de Rafael, foi preso suspeito pelo envolvimento na morte do empresário. De acordo com o titular da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestro, delegado Ricardo Cunha, Julian era sócio e devia 300 mil para o Rafael. E para não pagar a dívida encomendou a morte do empresário.

O sócio contratou Alinelson William Araújo Pereira, vulgo ‘Coringa’ que usava tornozeleira e terceirizou a morte com o Adriano, que segue foragido. “Um dos motivos foi patrimonial: ele estava devendo quase 300 mil reais para o Rafael, estava sendo cobrado e não tinha como pagar. Ele estava fazendo o pagamento dos matadores até hoje com o dinheiro do próprio negócio da vítima”.

Ao todo, são três pessoas envolvidas no crime, duas foram presas – Alinelson William Araujo Pereira foi preso no dia 25 de março – e uma segue foragida da Polícia Civil. Para denúncias sobre o paradeiro de Adriano, a população pode entrar em contato com disque-denuncia da DEHS por meio dos números: (92) 98118-9535 ou para o 181, da Secretaria de Estado de Segurança Publica (SSP-AM).

Julian Larry Barbosa Soares, 34 anos, sócio de Rafael, foi preso nesta sexta-feira (08)

MATERIAS RELACIONADAS