quarta-feira, 17 de agosto de 2022

VÍDEO: tio é preso por estuprar três sobrinhas em Manaus

Os crimes foram praticados pelo homem em épocas diferentes
Segundo a vítima, ela já havia sido abusada pelo tio aos 5 anos. Foto: Portal Tucumã

Manaus (AM) – Um homem de 50 anos foi preso na manhã desta sexta-feira (29), por volta das 6h suspeito de estuprar a sobrinha de 11 anos, no bairro Jorge Teixeira, zona Leste de Manaus. Segundo a polícia o individuo já teria abusado sexualmente de outras duas sobrinhas.

De acordo com a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), a mãe da menina de 11 anos procurou a especializada após tomar conhecimento de que a filha havia sido abusada sexualmente pelo individuo.

Veja a saída do homem da delegacia:

LEIA TAMBÉM: VÍDEO: padrasto é preso por estuprar enteada de 5 anos em Manaus

Segundo Joyce, a menina é sobrinha da esposa do suspeito e a família reside em casas no mesmo terreno.

“Ocorre que a família morava próximo ali, praticamente no mesmo terreno, então ele tinha facilidade de acesso à criança. No dia 12 de julho essa criança veio aqui (Depca) com o representante legal, relatando que havia sido vítima do crime de estupro de vulnerável”, disse Coelho.

A menina ainda relatou durante a denúncia que já havia sido vítima de abuso, cometido pelo tio, aos 5 anos de idade. Durante buscas pelo nome do individuo, a especializada constatou que haviam dois inquéritos policiais de estupro de vulnerável, tendo como vítimas outras duas sobrinhas.

“Em consulta nós realmente achamos essa ocorrência, o inquérito policial. Bem como outros dois inquéritos, tendo como vítimas mais outras duas sobrinhas. Na época, em 2016 e 2017, uma tinha 13 e outra tinha 9 anos de idade”, relatou a delegada.

LEIA TAMBÉM: Prefeitura afasta diretora por furtar ar-condicionados de escola em Manaus

“Então considerando a gravidade e a reincidência dessas praticas e, principalmente, por estar próximo das vítimas, nós representamos pela custódia preventiva dele”, completou.

Ainda segundo Coelho, na época das primeiras denúncias o homem não chegou a ser preso, os inquéritos não chegaram a ser finalizados e não se sabia o paradeiro dele, sendo descoberta apenas com a nova denúncia, onde a família da vítima forneceu o endereço.

A Especializada agora vai dar continuidades e finalizar os procedimentos para que o tio possa responder pelos crimes.

Receba notícias do Portal Tucumã no seu Telegram e fique bem informado! CLIQUE AQUI: https://t.me/portaltucuma

Tags:
Compartilhar Post:
Veja Também